domingo, 1 de março de 2009

Chá, café e leite

Chá de manhã e à tarde, café ao meio da manhã, leite à noite. Todos os dias, sem falhar. Dos três, é o chá que bebo em maior quantidade, porque é do que gosto mais; chá frio no Verão, quente no Inverno, e sempre mais do que uma chávena.
Vem de longe, este gosto. Em caso dos meus pais bebia-se chá à noite. Foi no entanto a minha sogra que me meteu "a fraternal". Ela era simplesmente a maior bebedora de chá que eu conheci. O último medicamento que tomou foi com chá, que eu bem vi o copo na mesa de cabeceira. Havia lá em casa uma cafeteira de esmalte azul sempre com chá feito.
Quando falo em chá, é ao chá preto que me refiro. É a bebida ideal, até porque dizem que faz bem à saúde, porque actua como anti-oxidante. Além disso, acompanha muito bem com torradas, pão com queijo ou compota, bolachas, biscoitos, bolo finto e boleimas de Portalegre.
Eis o chá em todo o seu esplendor, à mesa, pelas cinco da tarde!

3 comentários:

Isabel I disse...

Também gosto muito de chá, chá preto ou chá verde e bebo todos os dias. Infusões nem por isso, sabem-me a ervas ou a flores. Mas até essas às vezes me sabem bem. Aqui há semanas o meu sobrinho Luis pediu-me se lhe fazia chá e quis um desses, acho que tilia com limão. Foi à tardinha e estava a chover. Bebemos os dois o chá e soube-nos dentro da alma. Beijinhos para ele e para toda a gente com quem bebo ou bebi chá,. Isabel Ilesse

Guilhotina disse...

Para a próxima vez já podes fazer chá com lúcia-lima do meu quintal, acabadinha de colher. Cheira no frasco que é um consolo....

Catarina disse...

a cena do chá é que nunca me convenceu...são gostos....